Um homem e uma mulher testaram positivo para coronavírus (Covid-19) em Cruzeiro do Sul, no interior do Acre. A informação foi divulgada na noite de domingo (12) pela prefeitura do município e pelo governador Gladson Cameli.

Agora, com os dois novos casos, o Acre registra 79 confirmações. Os casos serão incluídos no boletim epidemiológico da Secretaria de Estado de Saúde (Sesacre), que será divulgado na tarde desta segunda-feira (13).

A situação é preocupante, pois, segundo pessoas que conhecem os infectados, na noite do sábado (11) o casal realizou uma festa na própria residência para assistir a live-show do cantor Gusttavo Lima.

Alguns amigos do filho do casal participaram do pequeno evento. O prefeito de Cruzeiro do Sul, Ilderlei Cordeiro, confirmou a informação no domingo durante transmissão ao vivo pelo Facebook.

Sesacre teria informado resultado errado

Ainda de acordo com amigos do casal, o momento era de comemoração, pois, horas antes da festa, o homem e a mulher receberam uma suposta ligação da Sesacre informando que o resultado dos exames dos dois haviam dado negativo para Covid-19.

Após cometer o grave erro, a Sesacre teria ligado novamente ao casal, já no domingo, e informou que, na verdade, os dois haviam testado positivo para coronavírus.

Além disso, as pessoas próximas ao casal disseram que a mulher tomou os devidos cuidados, mas o homem não respeitou o isolamento e circulou por vários lugares da cidade durante a semana.

A Secretaria de Estado de Saúde ainda não se posicionou sobre as informações divulgadas.

Mulher pode ter sido infectada durante viagem

A secretária de Saúde do Cruzeiro do Sul, Juliana Pereira, disse que a mulher havia retornado de viagem no final do mês passado. Ela foi recebida pelo marido e pelo filho no Aeroporto Internacional de Rio Branco.

A família teria passado alguns dias na capital acreana e retornou a Cruzeiro do Sul no dia 4 abril. Já no dia 9, a mulher apresentou alguns sintomas, entre eles febre, e realizou o teste para coronavírus junto com o marido.

A suspeita é de que ela teria sido infectada durante a viagem, pois esteve em uma cidade com alto número de casos.