O pastor Evangélico Mariceudo Belém da Silva 37 anos, foi executado dentro da própria igreja, na noite desta quarta-feira (18). O crime aconteceu na Travessa Açaí, no Bairro Belo Jardim 1, na região do Segundo Distrito de Rio Branco

Segundo informações da esposa da vítima, Mariceudo é pastor de uma igreja evangélica ainda em construção, em um local de difícil acesso na travessa. A mulher disse que, como o pastor não voltou para casa pela manhã, ela decidiu procurar pelo homem na igreja, e acabou encontrando ele amarrado, amordaçado e morto com tiro na nuca. Em seguida, a esposa da vítima pediu ajuda aos vizinhos.

Segundo moradores da região, foram ouvidos vários tiros durante a noite na localidade, como também foi relatado nas redes sociais. Como o risco de sair a noite no bairro é grande, ninguém foi ver o que estava acontecendo.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) ainda foi acionado, mas quando os socorristas chegaram no local, só puderam constatar que a vítima já estava sem vida.

A Policiais Militares foi acionada e estive no local do ocorrido, colheram informações sobre os criminosos e fizeram buscas na região, mas ninguém foi encontrado até o momento.

A área foi isolada para os trabalhos da perícia. Agentes do Instituto Médico Legal (IML) recolheram o corpo e levaram para a sede, onde serão realizados os devidos exames cadavéricos.

Segundo informações de fiéis da igreja, um dos motivos, e que a polícia trabalha como hipótese, foi que o pastor se recusou pagar “o dízimo” para uma facção criminosa que atua no local. O caso será investigado pela Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).