A adolescente Verônica Silva Menezes, de 14 anos, morreu após fazer um desafio da internet usando desodorante em spray (aerossol) até desmaiar, na noite desta quinta-feira (6). O fato aconteceu em uma casa na rua principal do Residencial Itatiaia, em Rio Branco.

Familiares disseram que encontraram a adolescente deitada de bruços na cama, com a boca cheia de espuma, e assistindo a vídeos de desafios com aerossol no celular. Em seguida, acionaram o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), mas a garota não resistiu.

O corpo de Verônica foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML), pela própria ambulância do Samu, para que seja feito os exames cadavéricos e complementares.

O pai da adolescente contou que já havia flagrado a menina cheirando desodorante, e que ela já estava viciada nesse produto. Segundo o pai, ele ainda havia conversado com menina, que disse que tinha visto isso na internet.

O doutor Pedro Pascoal, médico Samu, disse à reportagem que o há vários problemas em inalar o aerossol. “Esse produto possuí composição química que causam dependência e que, consequentemente, causa a morte, como foi no caso da Verônica”.

O caso será investigado pela Delegacia de Polícia Civil de Rio Branco.