A Polícia Militar do Acre prendeu na noite desta sexta-feira, 21, o ex-agente penitenciário Ivanhoe Oliveira, 37 anos, suspeito de decapitar a própria esposa e levar a cabeça da vítima até a casa da mãe dela, em Rio Branco.

Uma guarnição do Batalhão de Operações Especiais (Bope) recebeu uma denúncia anonima informando que Oliveira estava no campo de grama sintética do bairro Tangará. Os policiais foram até o local e encontraram o homem numa arquibancada participando de uma bebedeira.

“O ex-agente estava em companhia de quatro pessoas, ingerindo bebida alcoólica e, aparentemente, sob efeito de entorpecentes”, informou um dos policiais que participou da ação que prendeu o suposto homicida.

Oliveira foi encaminhado à Delegacia de Flagrantes (Defla), onde foram realizados os procedimentos cabíveis.