O apresentador e pré candidato a prefeito de Rio Branco, Rogério Wenceslau, foi vítima de um arrastão na manhã deste domingo (26), na frente de um restaurante, no Ramal do Amapá, no Bairro do Amapá, região do Segundo Distrito de Rio Branco.

Segundo o jornalista, ele estava realizando uma entrevista dentro do restaurante e quando terminou de fazer a última imagem da fachada do estabelecimento, dois homens em uma motocicleta se aproximaram, o garupa desceu e de posse de uma arma de fogo anunciou o assalto.

O criminoso pegou o celular de Rogério e um estabilizador de imagem que fica acoplado ao celular. Em seguida, o bandido foi até outras pessoas que também estavam no local e realizou o verdadeiro “limpa”, roubando outros celulares, carteiras, anel, pulseira e cordão de ouro e bolsas que estavam com clientes.

O apresentador disse também que no momento do ocorrido sua esposa estava no carro aguardando para irem embora. A mulher focou muito nervosa, travou as portas do carro e se escondeu para não ser vítima do arrastão ou de um possível sequestro.

O jornalista fez um vídeo relatando o ocorrido e disse que a violência saiu do controle da Secretaria de Segurança Pública, e que os gestores da pasta deveria vir a público e reconhecer que fracassaram em tentar promover a segurança da população.

Rogério disse ainda que a região do Segundo Distrito de Rio Branco está dominada pelas facções criminosas. Ele finalizou dizendo que o estado do Acre está omisso a tudo que esta acontecendo.

Os boletins de ocorrências foram registrados por todas as vítimas na Delegacia de Flagrantes (Defla). O caso será investigado pela Divisão de Investigações Criminais (DIC).