Jovens estavam desaparecidos após saírem juntos para uma festa (Foto: Arquivo Pessoal)

A Polícia Militar de Sena Madureira já prendeu seis adultos e apreendeu três adolescentes por envolvimento na morte dos jovens Thauan Araújo de Oliveira, de 16 anos, e Amanda Paiva Cavalcante, de 14 anos, que aconteceu em dezembro do ano passado.

Após os corpos das vítimas serem encontrados, no dia 26 de dezembro, em uma cova numa área de mata no segundo distrito de Sena Madureira, a PM e a Polícia Civil iniciaram as investigações do caso e a procura pelos suspeitos.

Corpos foram encontrados em uma cova (Foto: Reprodução/WhatsApp)

Duas menores de idade foram apreendidas por meio de decisão judicial, no dia 27, acusadas de atrair Amanda e Thauan para um local onde as vítimas seriam executadas. Dias depois, mais uma menor foi apreendida e quatro homens maiores de idade foram presos acusados de efetuar o crime.

Na última quinta-feira, 16, Rodrigo Silva da Costa, 19 anos, e mais dois homens foram presos em Manoel Urbano acusados de matar o jovem João Vitor, de 16 anos. No entanto, a polícia descobriu que Rodrigo também foi um dos principais executores de Amanda e Thauan.

O nono envolvido no crime foi preso na tarde deste domingo, 19, na Comunidade Santa Apolônia, no Rio Purus. Juscelino da Silva de Jesus, 18 anos, estava sendo procurado pela polícia e, quando foi encontrado, confessou ter efetuado o crime.

De acordo com o tenente Fábio Diniz, da Polícia Militar, os homens presos estão aguardando o júri popular. As três menores de idade continuam apreendidas e podem ser condenadas a, no máximo, três anos de internação, ou pode ficar internadas até os 21 anos.

A Polícia Civil do município ainda investiga se há mais suspeitos de envolvimento no crime.