Seis pessoas foram mortas em um bar na Transacreana (Foto: Divulgação)

A Secretaria de Justiça e Segurança Pública (Sejusp) confirmou durante coletiva de imprensa nesta segunda-feira, 20, que um dos suspeitos de participar da chacina na Estrada Transacreana, em Rio Branco, foi preso pela polícia.

A prisão do homem aconteceu no domingo, 19. O suspeito seria um dos mandantes da chacina. O crime ocorreu no sábado, 18, quando um grupo de 12 bandidos deixou seis pessoas mortas em um bar que fica no km 100 da estrada.

As vítimas da chacina são: João Vitor Gomes de Oliveira, de 16 anos; Rosalvo Barroso de Freitas, de 21 anos; Leonardo de Lima Maia, de 32 anos; Wilson Macedo Brito, de 35 anos; Marcos Lázaro Gomes de Almeida, de 35 anos, e Moisés Andrade da Silva, de 42 anos.

Além de matar os homens, os criminosos ainda tentaram executar o jovem Railson Silva de Souza, 19 anos, com três tiros na cabeça, no km 58 da estrada. O rapaz foi levado ao pronto-socorro de Rio Branco, em estado de saúde gravíssimo.

O rapaz foi socorrido pelo Samu (Foto: Alerta Acre)

A Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) continua investigando o caso e tenta identificar os outros envolvidos, e também o que motivou o ataque.