Chefe da "boca de fumo" [vestido com camiseta de marca] estava com outros dois suspeitos (Foto: Divulgação/PMAC)

Na manhã deste sábado (14), policiais do 1° Batalhão de Polícia Militar (1° BPM) prenderam Ederson Freitas, 29 anos, acusado de tráfico de drogas e posse ilegal de arma de fogo. A ação policial ocorreu na Travessa Capivara, no Bairro Boa União, região da Baixada da Sobral, em Rio Branco

Segundo os militares, eles chegaram ao endereço após uma denúncia anônima. Mas o dono da “boca de fumo” percebeu a presença dos policiais e acabou fugindo. No entanto, ele deixou um documento de identificação na residência.

De posse da identidade, a guarnição entrou em contato com os profissionais do sistema de monitoramento do Instituto de Administração Penitenciária (Iapen) e constatou-se que o o homem era monitorado por tornozeleira eletrônica.

A partir de então, a equipe de monitoramento eletrônico passou a informar a localização precisa do acusado que estava nas proximidades em veículo com outros dois suspeitos.

Ainda de acordo com os militares, após a prisão, Freitas assumiu ser o dono da “boca de fumo”, onde foram apreendidos 38 trouxinhas de cocaína, uma escopeta calibre .16 com seis cartuchos intactos, além de uma balança de precisão e uma quantia de 225 reais.

A ocorrência foi encaminhada para Delegacia de Flagrantes (Defla), para serem tomadas as demais providências necessárias ao caso.

*com informações da ascom PMAC