Artur Jaldir, de 56 anos, morreu afogado em um açude, na tarde desta quinta-feira (12), no Ramal 6 irmãos, localizado no Polo Wilson Pinheiro, no km 18 da estrada Transacreana, em Rio Branco.

De acordo com informações de familiares, Artur e alguns parentes estavam secando o açude para pegar os últimos peixes que restavam no local, quando a vítima, supostamente, teve um mal súbito e se afogou.

O homem foi socorrido por seus filhos e genros, que conseguiram tirar ele das águas e ainda fizeram massagem cardíaca, mas após cerca de 15 minutos, Artur parou de respirar.

Ainda segundo a família, o homem consumia bebidas alcoólicas constantemente, e nos últimos 5 dias esteve sob efeito de álcool diversas vezes. Os familiares suspeitam que esses fatores podem ter levado Artur à morte.

O Serviço Avançado de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado e esteve para constatar o óbito do homem. Agentes do Instituto Médico Legal (IML) recolheram o corpo e levaram para a sede, onde serão realizados os devidos exames para identificar as causas do óbito.