Na manhã desta quinta-feira (12), Jardesson Rodrigues de Oliveira, de 32 anos, morreu afogado em um balneário localizado no km 5 da Rodovia AC-10, estrada de Porto Acre, no interior do Acre.

De acordo com informações da polícia, Jardesson e seus familiares entraram sem permissão no balneário para tomar banho no açude, mas como o homem não sabia nadar, se afogou. Outros membros da família também não sabiam nadar e tiveram que pedir ajudar a populares que passavam na estrada.

Somente depois de 20 minutos Rodrigues foi retirado do açude por moradores da região. Os parentes do homem ainda acionaram o Serviço Avançado de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), que esteve no local e só constatou a morte da Jardesson.

Policiais Militares também foram acionados e isolaram a área para a realização da perícia. Agentes do Instituto Médico Legal (IML) recolheram o corpo e levaram para a sede em Rio Branco, onde serão realizados os devidos exames cadavérico.

O caso será investigado pela Delegacia da 5ª regional de Polícia Civil.