A Polícia Civil do município de Acrelândia, no interior do Acre, desencadeou nas primeiras horas desta quarta-feira (11), a Operação Fronteira, com apoio dos agentes da Polícia Civil de Plácido de Castro e também da Polícia Militar de Acrelândia.

O aparato da segurança pública, comandado pelo Delegado Samuel Mendes, cumpriu três mandados de busca e apreensão em várias residências de Acrelândia. O resultado da operação foi três pessoas presas até o momento. Durante as revistas foram apreendidas uma pistola 9mm, um revólver 38, uma espingarda cal 28, uma escopeta cal 12, munições de diversos calibres, três celulares, dinheiro em espécie e uma muda de maconha.

Os agentes deram voz de prisão aos três envolvidos, que foram encaminhados junto com os materiais para a Delegacia da cidade, onde foram ouvidos pelo delegado. O inquérito será enviado ao Poder Judiciário e os bandidos ficarão presos até o julgamento do crime.

Ainda segundo o delegado Mendes, essas ações são para combater e desarticular o crime organizado na região de fronteira, pois é onde o crime atua com mais ênfase, visando a compra de armas e de drogas no país vizinho.