A Polícia Militar do Estado do Acre prendeu, na tarde de sábado (19), três pessoas envolvidas em um assalto a uma fábrica de alumínio na cidade de Cobija, na Bolívia. Mais um criminoso foi preso por autoridades bolivianas, e outro continua foragido.

Segundo informações da PMAC, o grupo invadiu a fábrica durante a madrugada de sábado e roubou a quantia de, aproximadamente, 36 mil pesos bolivianos e 5 mil reais. Após a ação, os criminosos fugiram para Brasiléia, no interior do Acre.

A PM foi informada sobre o ocorrido e realizou rondas pelo município na tentativa de prender os bandidos. Em uma abordagem, um dos envolvidos no assalto foi preso com uma arma e parte do dinheiro roubado.

Após alguns minutos, mais duas pessoas foram presas e quatro menores acabaram sendo apreendidos. Com os criminosos foram encontradas drogas, uma escopeta calibre 28 com 3 munições intactas, um revólver 38 com 2 munições intactas, 9 celulares e notas de dinheiro brasileiro e boliviano.

De acordo com a PM, os criminosos são Willian Afonso de Oliveira, 31 anos, Ludmila da Costa Soares, 20, e Ramon Lira dos Santos, 19. Além deles, o jovem Jefferson Silva do Nascimento, 18 anos, também participou do assalto e foi preso por autoridades bolivianas.

Outro criminoso, identificado como Erasmo Vieira de Azevedo Filho, também teria participado do crime, mas conseguiu fugir e está sendo procurado. Segundo a polícia, ele é suspeito de ter participado de um arrombamento a uma agência do Banco do Brasil em Brasiléia, em agosto do ano passado.