A Polícia Civil identificou o criminoso que foi morto durante um confronto com as forças de segurança do Acre, na quinta-feira (10). Augusto César Morais de Oliveira, de 20 anos, era morador do Bairro Wilson Ribeiro na Região do Calafate, em Rio Branco e morreu após trocar tiros com a PM.

Segundo a polícia, o homem se reuniu com mais seis criminosos, todos membros de uma organização criminosa, e realizaram um arrastão no km 5 da rodovia AC-90, Estrada Transacreana.

Na fuga, os criminosos foram perseguidos pela Polícia Militar. Morais, com outros três bandidos, trocaram tiros com a PM dentro de uma área de mata.

O bandido acabou sendo ferido por disparos de arma de fogo no peito, mas não resistiu e morreu ainda no local. Agentes do Instituto Médico Legal (IML) recolheram o corpo e levaram para a sede, onde foram realizados os devidos exames.

O caso agora está sendo investigado pela Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).