Foi identificado, na tarde deste sábado (10), o corpo encontrado com as mãos amarradas e sem a cabeça no Bairro Taquari, em Rio Branco. O nome da vítima é Helilson Bastos de Souza, de 33 anos. Ele era membro de uma facção criminosa.

Segundo apurado pelo Alerta Acre, Bastos teria sido torturado e decapitado com uso de um facão, além de receber várias perfurações por outras partes do corpo.

O homem não era morador do Taquari e foi morto em outro local, os autores do crime então deixaram o cadáver na região, que é dominada por uma facção rival a de Bastos.

O corpo dele foi achado por populares na sexta-feira (9). Já a cabeça só foi encontrada na tarde de sábado, com as orelhas cortadas, a 100 metros onde o cadáver estava no dia anterior.

A Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) já está investigando o caso e tenta procurar pelos bandidos. Ainda não se sabe quantas pessoas estariam envolvidas no crime.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here