Mais um carregamento de anabolizantes destinado ao garçom Wendhel da Silva Rodrigues foi apreendido nesta quarta (24) por policiais civis da Delegacia de Repressão ao Narcotráfico – Denarc. A apreensão dos produtos ocorreu em uma agência dos Correios, em Rio Branco.

Rodrigues foi preso no dia 9 de julho durante a operação No Pain No Gain (“Sem dor, sem Ganho”), acusado de distribuir e vender anabolizantes na capital e em outras cidades. Segundo a polícia, esse é o segundo carregamento em 15 dias destinado ao rapaz, após a sua prisão.

Médico preso

Após investigações da polícia civil, os agentes chegaram no médico Giovanni Casseb, que também foi preso, na manhã de sexta (19). De acordo com a polícia, havia sido constatado que o médico auxiliava e ajudava o rapaz na venda dos produtos ilegais.

Casseb foi transferido na noite de domingo (21), para o Batalhão de Operações Especiais (Bope), onde segue em prisão temporária.