O Tribunal de Contas do Estado do Acre (TCE) realizou um levantamento que apontou a existência de 76 obras públicas que ainda não foram concluídas, ou estão paralisadas, no estado.

O Ministério Público do Acre (MP-AC) então decidiu instaurar um inquérito civil para apurar a denúncia. O documento foi publicado na última quinta-feira (11) no Diário Eletrônico do MP-AC.

De acordo com a publicação, foram gastos quase R$ 400 milhões nas obras já licitadas e em andamento. No entanto, as construções não finalizaram ainda.

O governo do Acre informou, por meio de uma nota, que o ainda não foi acionado pelo MP, mas disse uma equipe deve fazer esse levantamento e auditorias.