Uma mulher identificada como Daiane Brito da Silva, de 26 anos, que era monitorada por tornozeleira eletrônica, foi morta na tarde desta quinta-feira (28), próximo a uma escola na Rua Floriano Peixoto, no Centro de Rio Branco.

A vítima caminhava junto com uma amiga, quando as duas foram abordadas por dois homens que estavam em uma motocicleta. O garupa desceu da moto e efetuou vários disparos contra Daiane. A amiga da mulher saiu ilesa. Os criminosos fugiram após a ação.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) ainda foi acionado, mas Daiane não resistiu aos ferimentos e morreu antes de ser socorrida. O corpo da mulher permaneceu no local até a chegada da perícia.

Policias militares estiveram no local para atender a ocorrência e colheram informações sobre o crime. A área foi isolada para os trabalhos dos agentes da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoal (DHPP).