Apóso deputado Federal Alan Rick, do Democratas do Acre, ser citado na Folha de São Paulo por suposto envolvimento em um esquema de repasse do fundo partidário para candidaturas “laranjas” nas eleições de 2018, a direção estadual do partido emitiu uma nota pública dizendo que “as informações repercutidas em alguns sites locais não passam de informações inverídicas”. A nota é assinada por Paulo Ximenes, Secretário Geral do DEM no Acre.

CONFIRA A NOTA NA INTEGRA

A Executiva Estadual do DEMOCRATAS/AC, diante de notícia veiculada no site da Folha de São Paulo e repercutida em alguns sites locais com ilações e informações inverídicas acerca da campanha eleitoral e votação da candidata a deputada estadual Sônia Alves, vem repor a verdade e esclarecer a opinião pública:

  • Em estrita obediência ao que preconiza a Lei 9.504/97, em seu Art. 10º, Parágrafo 3º, que trata do percentual mínimo de 30% de vagas a serem preenchidas por mulheres e em obediência à decisão do Tribunal Superior Eleitoral, que determinou que os partidos políticos deveriam garantir, no mínimo 30% do Fundo Especial de Financiamento de Campanha e de tempo de propaganda gratuita para candidaturas femininas, o DEMOCRATAS/AC reafirma que cumpriu rigorosamente as normas da legislação vigente;
  • No tocante ao valor arrecadado pela candidata Sônia Alves, o DEMOCRATAS/AC informa que não houve qualquer repasse desses valores às demais candidaturas do partido, muito menos um montante de 16% para a então candidatura do deputado federal Alan Rick, como erroneamente diz a reportagem. O partido cumpriu todas as normas e regras que preconizam a lei eleitoral.
  • O DEMOCRATAS/AC informa ainda que a prestação de contas do deputado federal reeleito Alan Rick foi aprovada por unanimidade, não ensejando, portanto, qualquer questionamento.

PAULO XIMENES
SECRETÁRIO-GERAL DEMOCRATAS/ACRE

Rio Branco-AC, 15 de fevereiro de 2019.