Atualização (11h36): O MP emitiu uma nota falando que o secretário não foi objeto da investigação. Confira: MP diz que secretário de Polícia afastado não foi objeto de investigação

————–

O governo do Acre afastou, na manhã desta quarta-feira (30), o delegado Rêmulo Diniz, da função de secretário de estado de Polícia Civil. Ele é acusado de ter ligação com uma organização criminosa.

A informação de que o delegado teria envolvimento com uma facção, denominada “Comando Vermelho”, partiu de uma reportagem exclusiva do site UOL, que disse que Diniz facilitava as ações dos criminosos no estado.

O governo emitiu a nota informando o afastamento do secretário até que as investigações sejam finalizadas. Confira a nota:

NOTA DO GOVERNO DO ESTADO DO ACRE

O Governo do Estado do Acre comunica o afastamento do cargo de secretário do estado de Polícia Civil, do delegado Rêmulo Diniz, até que as investigações que transcorrem no âmbito da Justiça estadual sejam devidamente esclarecidas.

Consciente do dever de cumprir as leis e a ordem, o Governo do Estado do Acre, reafirma seu compromisso com a transparência, a justiça e o respeito à sociedade acreana.

Governo do Estado Acre